jusbrasil.com.br
21 de Junho de 2021
    Adicione tópicos

    Marcha para Jesus é lei no Rio Grande do Sul

    Mais de cinquenta pessoas participaram, nesta quarta-feira (30), do ato de sanção ao Projeto de Lei 100 2015, de autoria da deputada estadual Liziane Bayer (PSB), que institucionaliza o terceiro sábado de novembro como o Dia da Marcha para Jesus - Lei 14.848/2016. O evento aconteceu na sala Alberto Pasqualini, no Palácio Piratini.

    Abrindo seu discurso, a parlamentar citou Matheus 22:37,38: “Ame o Senhor, o seu Deus de todo o seu coração, de toda a sua alma e de todo o seu entendimento’. Este é o primeiro e maior mandamento.”. Liziane lembrou que quase 90% dos gaúchos são cristãos. “A Marcha para Jesus não é mais uma lei e sim um ato. Um ato profético neste momento que o Estado passa”, comentou.

    Para o governador José Ivo Sartori (PMDB), que inicialmente destacou a origem da Marcha no ano de 1987, em Londres, a diversidade deve se manifestar, também, no respeito à fé. “A Marcha para Jesus, aqui no Estado, passa a ser um patrimônio imaterial. Fazer parte do calendário é uma homenagem e um importante reconhecimento”, finalizou o governador ao assinar a lei.

    Presentes pastores da Igreja Internacional da Graça de Deus e representantes da Sociedade Bíblica do Brasil.

    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)