jusbrasil.com.br
14 de Dezembro de 2017
    Adicione tópicos

    Assembleia entrega o Prêmio Vitor Mateus Teixeira de 2017

    Em cerimônia realizada na noite desta quarta-feira (6), no Teatro Dante Barone, a Assembleia Legislativa entregou o Prêmio Vitor Mateus Teixeira 2017. Parlamentares, autoridades, agraciados e artistas participaram da solenidade que teve a apresentação musical de Paulo Missioneiro e Ceceu Dorneles.

    Em homenagem ao músico, cantor, compositor e cineasta, o Prêmio Vitor Mateus Teixeira foi instituído pela Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul por meio da Resolução 2.708, de 19 de agosto de 1997. Este tributo a Teixeirinha busca reconhecer, valorizar e incentivar os trabalhos e ações que divulguem a música e o artista gaúcho.

    O presidente da Assembleia Legislativa RS, deputado Edegar Pretto (PT), saudou e agradeceu a presença de todos que prestigiaram a entrega do Prêmio Vitor Mateus Teixeira. Destacou que é um prazer para a Assembleia Legislativa, prestar esta homenagem e reconhecer o trabalho realizado por todos os artistas em prol da cultura do Rio Grande do Sul.

    Recordou que foi criado ouvindo as músicas de Teixeirinha pelo rádio. “Me lembro com emoção quando, acompanhado pelos meus pais e pelos meus irmãos, éramos nove filhos, fomos ao Clube 24 de Maio, no interior de Miraguaí, na Coxilha do Morro, para assistir ao filme “O Gaúcho de Passo Fundo”, ocasião em que toda a comunidade de agricultores se reunia, relembrou Edegar ao enaltecer este que é um grande ícone da música do Rio Grande do Sul, Vitor Mateus Teixeira, o Teixeirinha.

    A Comissão Julgadora do Prêmio Teixeirinha é formada por dois representantes do Sindicato dos Músicos Profissionais do Rio Grande do Sul (Sindimus/RS), Sindicato dos Compositores Musicais do Estado RS (Sicom/RS), um representante do Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG), da Fundação Vitor Mateus Teixeira e do Departamento de Cultura da Assembleia Legislativa RS.

    Agraciados de 2017Receberam o Prêmio Vitor Mateus Teixeira 2017, nas diversas categorias, os seguintes agraciados:

    Cantor: Chico Sarat
    Cantora: Anahy Guedes
    Declamador: Romeu Weber
    Declamadora: Silvana AndradeTrovador: José EstivaletTrovadora: Tetê CarvalhoCompositor (a): Pirisca GreccoInstrumentista: Gilberto MonteiroArranjador (a): Nelci VargasPajador (a): Jadir Oliveira FilhoProdutor (a) Musical: Carlos Leandro CachoeiraCapa de Disco: Pedro Júnior da FontouraVeículo de Divulgação de Artista Gaúcho (a): TV TradiçãoGrupo de Show: Grupo Chão de AreiaGrupo de Baile: Alma GaudériaGrupo de Dança Gaúcha: Grupo Folclórico Tropeiros da TradiçãoBandinha Típica Alemã: Banda Sul BrassConjunto ou Intérprete de Música Teuto-rio-grandense: Lúcia LuftConjunto ou Intérprete de Música Ítalo-rio-grandense: Ragazzi Dei Monti


    PresençasTambém participaram da solenidade desta quarta-feira, os deputado Zé Nunes (PT), Jeferson Fernandes (PT), Miriam Marroni (PT), Gilmar Sossella (PDT), Aloísio Classmann (PTB), Maurício Dziedricki (PTB), Bombeiro Bianchini (PPL), João Reinelli (PV); representantes dos gabinetes dos deputados Ciro Cimoni (PDT), Luiz Fernando Mainardi (PT), Frederico Antunes (PP), Enio Bacci (PDT) e Missionário Volnei (PRB); a diretora da Divisão de Prêmios e Promoções Culturais da ALRS, Neuza Souza Soares; a diretora executiva da Fundação Vitor Mateus Teixeira, Elizabeth Teixeira; o presidente do Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG), Naironi Callegaro; primeira prenda RS, Renata da Silva; primeiro peão RS, Jhonatã Reis Leindecker; conselheiros de cultura RS, Maria Marques e Rubens Oliveira; patrona dos festejos Farroupilhas RS, Elma Santana; integrantes da Comissão Julgadora do Prêmio Vitor Mateus Teixeira 2017, Márcia Teixeira dos Santos, Luiza Helena de Lima Rode, Jucélia de Souza, Izabel L’Aryan, Luiz Afonso Ovalhe Torres e Anália Sanches Dorneles; vice-prefeito de Monte Belo do Sul, Jorge Benvenuti; superintendente de licitações da Corsan, Marcelo da Rosa, além de músicos compositores, produtores e amigos dos agraciados.

    © Agência de Notícias
    As matérias assinadas pelos partidos políticos são de inteira responsabilidade dos coordenadores de imprensa das bancadas da Assembleia Legislativa. A Agência de Notícias não responde pelo conteúdo das mesmas.

    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)